O Nome do Vento (P. Rothfuss)

30 jul

IMG_3579 edited

Eu andava em uma fase de romances, uma fase de devorar livros e histórias que despertassem todo e qualquer interesse. E não tinha conhecimento dessa trilogia em construção por Rothfuss até ganhar de presente de Natal este primeiro livro – eu sempre acho que as pessoas nunca vão saber realmente adivinhar o que eu gosto de ler, me enganei. Minha cara prima, tão jovem e já tão observadoramente sábia, você escolheu o livro que me fez sentir algo na leitura que só consegui comparar com o que sentia ao ler Harry Potter. E isso, como você deve adivinhar, é um raro elogio. Na real, acho que nunca comparei um livro aos meus tão encantadores sentimentos guardados pelo mundo de fantasia de Rowling. Mas esse chegou lá. Chegou perto. Nostalgia, saudade, ânimo, ansiedade, curiosidade… Tudo junto e misturado. Há! Estou sorrindo se lembrar da história.

Quando comparei a Harry Potter, talvez tenha feito algo que muuuitos e muitos vão discordar. Talvez até eu mesma discordaria um tempo atrás, mas hoje me peguei toda atrapalhada quando fui tirada da leitura porque estava tão in no livro que não consegui parar de raciocinar com Kvothe nem um minuto para travar uma conversa inteligente com meu irmão (e não pense que era algo elaborado, ele só estava comunicando um convite para comer pastel, veja bem). Sem muita justificativa desnecessária, só quero dizer que comparo o sentimento, não a história. Claro que temos coisas em comum… (1) HP tem o ambiente de Hogwarts e O Nome do Vento tem o da Universidade; (2) HP tem magias, feitiços e varinhas e NDV também, de formas peculiarmente diferentes; (3) ambos têm um personagem principal especial, inteligente e com destinos heróicos; (4) ambos personagens são péssimos com mulheres e ambos os livros tem romances sutis, delicados e simples; (5) ambos tem monstros, demônios e (6) uma busca incansável por vingança pela morte dos pais; (7) ambos são bem escritos, com risos e lágrimas despertos aqui ou ali, envoltos em belas palavras e situações dignas das grandes histórias.

Paremos com a comparação. Não quero falar da história. Porque quando li a sinopse do livro tudo que senti foi uma mera curiosidade, nada além disso. Então deixe-o parado na estante, do Natal até esses dias atrás; peguei-o porque senti que deveria ser o livro da vez e estava farta de livros de 300 páginas, pronta para encarar uma história um pouco mais complexa… E acho que foi nisso mesmo que me meti. Uma aventura com um ruivo. Um menino tão corajoso quanto Robin Hood, tão inteligente quanto Peter Pan, tão maduro quanto Dumbledore, tão voraz quanto Katniss, tão bom ator quando Moliére. Um herói, um muleque, um curioso, um artista e um gênio.

O que quero enfatizar nessa resenha é algo simples: é um ótimo livro. Não o julgue pela capa, não o julgue pela sinopse e nem mesmo pelas primeiras páginas. Também não se engane com elas, o epílogo e o prólogo do livro são a mesma coisa, as mesmas palavras, devidamente dispostas iguais no começo e no fim do livro – porém, quando lemos no começo enxergamos uma coisa e no final… aaah… “It’s a new world, it’s a new start, It’s alive with the beating of young hearts… It’s a new day, it’s a new plan, I’ve been waiting for you… Here I am”*.

Sabe aquela promoção que anda pelo Submarino? Acho que vale muito a pena. Pense nisso. ;)

Estou encantada… e posso ser sincera? Acho que muitas pessoas também vão ficar, se já não ficaram.

# 2013: 32º

Título:  O Nome do Vento
Autor: Patrick Rothfuss
Editora:  Sextante
Páginas: 656

Skoob: nota 5/5

*Estou embalada pelo momento, a música “Here I Am” do Bryan Adams pareceu traduzir de acordo o que sinto em espera pela chegada do segundo livro.

Uma resposta to “O Nome do Vento (P. Rothfuss)”

Trackbacks/Pingbacks

  1. Livros lidos em 2013 | Um journal de sorrisos - 11 de janeiro de 2014

    […] Cast) 31) Awakened (P.C. and K. Cast) 32) Destined (P.C. and K. Cast) 33) Lolita (V. Nabokov) 34) O Nome do Vento (P. Rothfuss) 35) O Cavaleiro inexistente (I. Calvino) 36) O Milagre (N. Sparks) 37) O que é isso, companheiro? […]

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: